Com regras de higienização, funcionamento de salões de beleza, barbearias, cabeleireiros e óticas foi liberado

Um novo decreto municipal autoriza o funcionamento de salões de beleza, barbearias, cabeleireiros e de óticas em Birigui durante o período de medidas temporárias e emergenciais de prevenção ao contágio do novo coronavírus (Covid-19).

A decisão da abertura destes serviços ocorreu após uma reunião realizada na Prefeitura de Birigui, na manhã desta quinta-feira (9), quando estiveram reunidos o prefeito Cristiano Salmeirão, o presidente da ACIB e do Sincomércio, Maurício Pazian, e o diretor da ACIB Danilo Vendrame.

O decreto, de número 6.614/2020, será publicado na tarde desta quinta-feira (9) no site da administração [birigui.sp.gov.br], no banner Diário Oficial.

A decisão da abertura destes serviços foi baseada em interpretação do que são serviços essenciais para higiene do ser humano e, também, para manutenção de óculos, já que muitos necessitam dos óculos para suas tarefas diárias.

“Todos nós devemos seguir as orientações da OMS – Organização Mundial de Saúde e a higiene é fundamental neste momento de pandemia da Covid-19”, disse o prefeito de Birigui.

Para atender seus clientes durante este período de quarentena, o decreto exige:

O atendimento de salões de beleza, barbearia e cabeleireiro deverá se dar de forma individual e com agendamento prévio, sendo vedada a espera de clientes no interior do estabelecimento ou fila na área externa;

As cadeiras e demais equipamentos deverão ser higienizados após cada atendimento;

Os profissionais deverão utilizar luvas e máscaras no atendimento.

Já as óticas terão que cumprir os seguintes requisitos:

O atendimento deverá ser realizado de forma individual, evitando-se aglomerações no interior do estabelecimento;

Intensificar as medidas de higienização dos balcões, máquinas de cartões e demais pontos de contatos, assim como a disponibilização de álcool em gel 70% nas entradas e saídas.

“Os estabelecimentos que se enquadrarem como serviços essenciais e cujo funcionamento está autorizado, deverão controlar o acesso de clientes ao seu interior, evitando aglomerações, mantendo higienizados pontos de contato e fornecendo máscaras aos seus colaboradores, assim como supervisionar a área externa de modo a evitar aglomerações”, destacou o prefeito Cristiano Salmeirão.

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by