TRAGÉDIA: Guarda aposentado morre após ser atropelado em Avenida de Araçatuba

Jessica Taboas – Sbt

José Carlos de Souza Pereira, 59 anos, natural de Tupã, morreu na manhã desta segunda-feira (08) após ser atropelado na Avenida dos Araçás em Araçatuba.

Segundo informações, Pereira foi Guarda Municipal em Araçatuba e teria se aposentado. Ele tentava atravessar a faixa de pedestres nas proximidades do Grupo Havan, quando um veículo teria parado e dado a preferência para a vítima, momento em que um outro veiculo, conduzido por uma mulher que não percebeu a passagem da vitima teria causado o atropelamento.

A Unidade Avançada do SAMU foi acionada para socorrer a vítima, porém ao chegar a Médica teria constatado o óbito da vitima no local.

A PM interditou um trecho da via para o trabalho da perícia. O acidente será investigado pela Polícia Civil e um laudo deverá ser emitido pelo IML em até 30 dias. (Com informações Sbt e RP10).

Outro caso

Este foi o segundo atropelamento com morte na avenida dos Araçás neste ano. Em 28 de maio, Juarez Silveira da Silva, 68, foi atropelado próximo à rotatória com a avenida Waldir Felizola de Moraes.

Na ocasião, ele foi atingido por um VW Gol quando tentava atravessar a via sentido ao bairro Santa Luzia, onde residia. Existe uma faixa de pedestre no local e a perícia iria apurar se ele atravessa por ela, já que o corpo estava um pouco à frente.

Moradores no bairro realizaram um protesto após essa morte e a Secretaria de Mobilidade Urbana instalou uma lombada antes do Supermercado Diniz. Outras intervenções na via estão previstas para o segundo semestre.

Infarto

No início da tarde de domingo (7), a avenida dos Araçás foi interditada próximo a esse supermercado, para atendimento ao motorista de um carro.

Segundo a Guarda Municipal, a vítima teve um princípio de infarto, parou no meio da via e teve que ser socorrida por equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

A reportagem apurou que as equipes tiveram que realizar massagem cardíaca na vítima para reanimá-la. Não há informações da identidade e do estado de saúde do paciente. (Com informações HojeMais).


(Foto: Lázaro Jr.)

Fonte: Guilherme Renan – Colaboração Sbt e HojeMais