R$ 3,7 MILHÕES: retomada da obra do Centro do Professor começa dentro de 10 dias

A documentação que autoriza a retomada da obra do Centro de Formação do Professor e Apoio ao Aluno, localizado no bairro Jardim Morumbi, foi assinada na tarde da última segunda-feira (11). Os trabalhos deverão começar dentro de 10 dias.

A gestão 2017/2020 vai investir R$ 3.731.707,48 para concluir a obra, que ficou vários anos abandonada e sem utilidade ao município. A obra começou em 2010, com previsão de término para 2012.

A Ordem de Serviço foi assinada pelo prefeito Cristiano Salmeirão, pelo secretário municipal de Obras, Saulo Giampietro, e pelo representante da AMGR Construções (vencedora da licitação), Marcelo Luiz Grigoleto.

Como testemunhas, vereadores e moradores do bairro também assinaram o documento. O ato ocorreu na própria obra, localizada na esquina das ruas Anhanguera com a Roberto Antunes.

Além do prefeito e dos secretários municipais, participaram do ato os vereadores Andrey Servelatti, Kal Barbosa, Paquinha, Pastor Reginaldo, Vadão da Farmácia, Carla Protetora, Fabiano Amadeu e Leandro Moreira, o Lê.

Segundo o prefeito, a construção do Centro do Professor está sendo acompanhada por ele desde quando esteve no Legislativo. Salmeirão foi vereador de 2004 a 2016.

“A paralisação da obra foi motivo de criação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Câmara de Birigui em 2015. Vários indícios de irregularidades foram investigados pelo Legislativo”, disse Cristiano Salmeirão.

A meta da administração é investigar agora para gerar economia no futuro.

“Estamos estudando a possibilidade de deixar de pagar aluguel de vários setores da administração e transferi-los para o Centro do Professor. O local também poderia abrigar a sede da Secretaria de Educação, a sede da Secretaria de Administração e não deixaria de atender as necessidades das atividades do setor da educação”, completou o prefeito.

OUTRAS OBRAS

A atual administração também vai concluir outras duas obras abandonadas: o Centro de Convenções e Eventos (Alto do Silvares) e a utilização da estrutura existente no Jandaia, onde seria construída uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Como a atual administração entregou uma nova UBS no Jandaia (UBS 8), a estrutura abandonada da UPA será utilizada para abrigar uma nova e moderna Cozinha Piloto.

Durante sua fala, o prefeito de Birigui lembrou que a administração irá construir duas pontes no bairro Cidade Jardim.

As pontes, sobre o córrego Biriguizinho, irão atender veículos e pedestres. A obra visa aumentar a segurança e melhorar a mobilidade urbana da cidade.

“Mapeamos as obras abandonadas e fizemos um trabalho para concluí-las. Temos zelo total pelo dinheiro público”, completou o prefeito Cristiano Salmeirão.

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by