CRUELDADE: Casal assalta, amarra e agride aposentado de 88 anos em Birigui

 

Crime foi planejado pela própria vizinha do aposentado, com apoio de um homem amarraram e agrediram a vitima que precisou de atendimento médico.

roubo 03 07 18 de poli

Segundo a policia, os policiais CB Soleira e CB De Poli, foram acionados na tarde desta terça-feira (03), via COPOM a comparecer na Rua Dr. Demostenes Guanaes Pereira, no bairro São Brás, onde teria ocorrido um roubo e a vitima de 88 anos estaria sangrando e amarrado.

Os policiais rapidamente se deslocaram para o local informado, em contato com a vitima um aposentado de 88 anos, bastante abalado, com diversas lesões pelo corpo e amarrado não conseguia relatar o ocorrido, após algum tempo e uma conversa a fim de acalmar a vitima já desamarrado, o mesmo relatou aos policiais; A vizinha uma jovem de camiseta amarela, teria batido palmas e pediu um pouco de açúcar, a vitima abriu o portão para pegar o referido açúcar, momento em que a jovem adentrou a residência e em seguida um jovem com cobertura na face também adentrou a residência e começou a agredir a vitima. O jovem com a ajuda da vizinha amarrou a mão da vitima e continuaram a agredir o mesmo. Em seguida subtraíram a quantia de R$ 1.300,00 (valor referente à aposentadoria da vitima) e uma TV 32 polegadas e em seguida, ambos fugiram do local.

Com o apoio de outras viaturas, inclusive do Comando de Força, Tenente Siqueira e SD Garcia, foi averiguado a residência ao lado, que não tinha ninguém no momento, mas a referida TV subtraída estava no chão da sala.

Com apoio de outras viaturas e com as características dos autores, os policiais iniciaram patrulhamento com vistas, a fim de localizar os possíveis autores. Quando pela Av. Três do bairro João Crevelaro avistaram a dupla, que ao perceber a aproximação policial tentaram se evadir, mais foram contidos e algemados. Ambos estavam com as mesmas vestes informadas por testemunhas nas proximidades do ocorrido. Em revista pessoal, nada de ilícito foi localizado, questionados a respeito do assalto, ambos negaram e informaram que estaria na casa do jovem nas imediações. Os policiais deslocaram até o local a fim de localizar o valor subtraído, mais não lograram êxito.

A vitima acabou reconhecendo os abordados, como autores do crime, ambos foram conduzidos ao 1º Distrito Policial, onde o delegado, ratificou a voz de prisão para o casal, sendo registrado boletim de ocorrência de Roubo Majorado Pelo Concurso de Agentes, se condenados poderão pegar até 10 anos de reclusão.

Ainda cabe ressaltar que foi necessário atendimento médico para a vitima e o mesmo permanecerá em observação médica por 12 horas.

 

Fonte: Elton Fontes

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by