Comparecimento de servidores foi pressão, afirma parlamentares

Vereadores da oposição criticaram a Prefeitura de Araçatuba pelo fato de ter convocado funcionários da Secretaria Municipal de Assistência Social a comparecerem na sessão de segunda-feira (18) à noite a fim de pressioná-los a votar a favor de projeto do Executivo que cria a lei do Suas (Sistema Único de Assistência Social).

Durante votação para aprovação da deliberação da matéria, servidores presentes levantaram cartazes, com dizeres como: “A lei do SUS foi discutida e deliberada pelo Conselho Municipal de Assistência Social” e “Vereadores de Araçatuba, vamos avançar ou retroceder”.

O projeto foi deliberado e, agora, passará pelas comissões da Câmara. O vereador governista Gilberto Mantovani, o Batata (PR), que agradeceu a presença dos funcionários da Assistência Social. “Esse projeto é uma das diretrizes estabelecidas pela Loas (Lei Orgânica da Assistência Social). Sei da preocupação de vocês e tenho certeza que será aprovado”, disse.

ALEGAÇÃO
Em seguida, os parlamentares Rivael Papinha (PSB), Rosaldo de Oliveira (PRB), Ermenegildo Nava (PP) e Carlinhos Santana (SD) criticaram o fato do grupo estar presente na sessão antes da votação, apenas na deliberação. “Esse pessoal foi convocado com o intuito de pressionar os vereadores da oposição porque alegam que não estamos votando projeto do Executivo”, disparou Rosaldo.

A lei do Suas consiste na gestão das ações na de assistência social, organizada sob a forma de sistema descentralizado e participativo. As ações ofertadas no âmbito do Suas têm por objetivo a proteção à família, à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice e, como base de organização, o território.FOTO1-403713-2016-04-19-08-25

fonte: folha da região.

 

Um comentário

  1. Breast Cancer Propecia Actonel Side Effects Of Amoxicillin In Cat cialis Levitra Kaufen Koln Where To Buy Effexor Over The Counter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

1
Olá !
Fale Conosco.
Powered by