4 sábados seguidos: força-tarefa contra o mosquito Aedes reunirá 90 agentes no “casa a casa”

A Prefeitura de Birigui pretende visitar 3 mil residências neste sábado, dia 16 de março, quando começa uma “força-tarefa” contra o mosquito Aedes, o transmissor da dengue, zika vírus, chikungunya e febre amarela. O “arrastão” será das 7h30 às 13h30.

A ação foi uma determinação do prefeito Cristiano Salmeirão e reúne um trabalho integrado entre as secretarias de Saúde, Serviços Públicos/Água/Esgoto e Administração. A meta é recolher materiais que possam acumular água parada, onde o mosquito se prolifera, além de orientar sobre como limpar os imóveis corretamente.

“Após conseguir diminuir em 99% o número de casos positivos de dengue, isso em 2017, a doença voltou a ser problema este ano. Temos que continuar trabalhando e esse trabalho precisa ser feito em conjunto”, comentou o prefeito de Birigui.

Segundo a secretaria municipal de Saúde, a cidade vive um cenário de alto risco para uma epidemia de dengue. Este ano, de 01 de janeiro até 11 de março, já foram registrados 824 casos prováveis de dengue (368 casos positivos e 456 casos em investigação).

ARRASTÕES – Visando eliminar possíveis criadouros do mosquito, profissionais da Vigilância Epidemiológica e do Centro de Vetores de Controle e Zoonoses (CCVZ), ambos da Secretaria Municipal de Saúde, estarão nas ruas a partir deste sábado (16). Os profissionais farão o conhecido “casa a casa”.

Serão visitados os bairros Monte Líbano, Monte Líbano 2, Jardim Canaã, Residencial Copacabana e João Crevelaro. A ação contará com o importante trabalho dos agentes comunitários de saúde e agentes comunitários de endemia.

Os arrastões seguirão nos sábados de 23 de março, 30 de março e, por último, o sábado de 06 de abril. Todas as regiões da cidade serão visitadas pelos profissionais da Prefeitura de Birigui.

“Teremos 90 agentes, nove supervisores e um coordenador geral. Teremos, ainda, suporte de servidores da Secretaria de Serviços Públicos, que também irão para as ruas. Serão mais de 100 servidores envolvidos nos arrastões”, explicou o educador em saúde pública, Marcos Sanches, servidor da Secretaria Municipal de Saúde.

ENCONTRO – A ação deste dia 16 de março contará com duas bases: a primeira será na EE Profª Olívia Angela Furlani, que fica no Monte Líbano (rua Antônio Agatielo, 2020).

A segunda base será na EM Ruth Pintão Lot, que fica no bairro João Crevelaro (rua Moacir Galvão, 150).

Nos dois pontos de encontro o horário de chegada foi marcado para às 7h15. Os envolvidos na ação pedem a colaboração da população, que pode ajudar limpando seus imóveis e descartando objetos que possam acumular água parada.

Redobrar a atenção com ralos internos e externos das casas; pratos de plantas (que devem ser completados com areia ou furados para não acumular água); bebedouros de animais de estimação (que devem ser sempre escovados); bandejas de geladeiras (colocar detergente ou sabão em pó); e realizar a limpeza regular das calhas.

Para outras informações, a Secretaria Municipal de Saúde atende pelo fone: 3643-6233.

Fonte: Da redação com informações Prefeitura Birigui